Matérias

Thermas do Rock: Saiba mais detalhes sobre a edição 2019

O Thermas do Rock celebra em 2019 sua 12° edição, se superando a cada ano e oferecendo ao público um atendimento ímpar, estrutura impecável e ótimas opções de shows.

Organizado pelo Sesc Thermas de Presidente Prudente, o festival cresceu literalmente, migrando da pequena área de convivência para o Bosque da Unidade, possibilitando mais conforto para assistir às apresentações e a ampliação da estrutura oferecida.

Este ano se apresentam entre os dias 24 e 28 de julho Os Paralamas do SucessoCordel do Fogo EncantadoHumberto GessingerPepeu GomesAngra, Korzus, Karina Buhr, Pepeu Gomes Six RockStrings.

Confira aqui a programação completa.

Para entender melhor o festival e o que vai rolar, conversamos com a coordenadora de programação do Sesc Thermas, Ana Paula Ambrósio. Confira.

Qual a expectativa para o Thermas do Rock 2019?
Temos uma expectativa muito positiva, de bosque cheio nas noites dos shows e atividades formativas com grande presença também. Isso porque temos um line-up que atende os mais variados gostos musicais, desde o pop até o metal, passando pelo alternativo e clássicos. Isso também levando em conta que o público de Presidente Prudente e região costuma comparecer em peso no festival, sabendo da qualidade das atrações e do nosso compromisso na organização, que visa sempre oferecer a melhor experiência possível.

Como são escolhidas as atrações?
Há uma curadoria compartilhada entre técnicos da Unidade e da Gerência de Ações Culturais do Sesc São Paulo. Os nomes são pensados sempre visando abranger o máximo possível das várias vertentes do rock, de maneira que tenhamos bandas consagradas mas também a oferta de novos sons para que o público possa conhecer. As ações do Sesc sempre buscam a formação do público, mesmo nos shows. E o Sesc Thermas do Rock também leva isso em conta. 

O evento chega este ano em sua 12º edição. Tem algum show marcante? Alguma peculiaridade?
Tivemos muitos momentos importantes ao longo do festival, que até 2014 ocorreu no palco baixo e aconchegante da nossa Área de Convivência, cuja proximidade do público com os artistas oportunizava uma experiência rica tanto nos shows quanto nas atividades formativas, como oficinas, workshops e bate-papos. Naquele cenário, foi possível interagir de perto com Made in Brazil, Plebe Rude, Marcelo Bonfá, Thunderbird, Nenhum de Nós, Nasi + Kiko Zambianchi, King Bird, Dado Villa Lobos, Marcelo Bonfá, Dr. Sin, Cachorro Grande, Marcelo Nova, Aliados, Velhas Virgens, Fernando Magalhães (Barão Vermelho), entre tantos outros. 
Um marco, sem dúvida, foi a transição para a realização do evento no bosque, a partir de 2015, assumindo ainda mais o caráter de festival, com atividades formativas ao longo da semana e shows à noite, em meio ao verde de uma área de mais de 34 mil metros quadrados. Por ali passaram nomes consagrados como Ira!, Raimundos, Replicantes, Ratos de Porão, Erasmo Carlos, Frejat, Sepultura, Dead Fish, Matanza, Odair José, Nação Zumbi, Autoramas, Barão Vermelho, Pavilhão 9, BNegão & Os Seletores de Frequência e Pato Fu, além de privilegiar a cena independente ou novos nomes do rock nacional, como Jonnata Doll & Os Garotos Solventes, Test, Scalene, The Baggios, Far From Alaska, Project46, Ego Kill Talent e Boogarins.
Outro ponto é que sempre realizamos ações formativas, os bate-papos e workshops com músicos ou profissionais da música, como jornalistas e produtores. E, dentre tantos nomes que já trouxemos, o público pôde interagir com dois deles que infelizmente nos deixaram recentemente, o Kid Vinil e o produtor Carlos Eduardo Miranda.

Tem alguma banda em especial que vocês gostariam de trazer e ainda não rolou?
A gente ouve muito o público no processo de curadoria, mas sempre respeitando as linhas de trabalho do Sesc, a linha que o festival quer para aquela edição e tudo mais. Temos trazido bastante coisa que muita gente duvidaria que viria para Presidente Prudente. Quem sabe o que mais vem por aí, nas próximas edições, né? Vamos aguardar.

O Thermas do Rock é para muitos o maior evento de Prudente e Região aos amantes do gênero. Qual recadinho vocês mandariam para a galera que pretende curtir este ano?
A gente fica sempre muito feliz em fazer o Sesc Thermas do Rock e ter essa receptividade do público. O recado seria para curtirem o máximo que puderem, viverem todas as experiências que estamos propondo, porque realmente é um momento especial essa união de rock and roll e natureza num festival a céu aberto. O importante é o público saber que é para ele que realizamos o Sesc Thermas do Rock.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 642 outros assinantes

Movie Aholic no Instagram

Quer aprender a programar?