Matérias Séries

THE LAST KINGDOM, TERCEIRA TEMPORADA (CRÍTICA)

CRÍTICA The Last Kingdom | Terceira temporada
CRÍTICA The Last Kingdom | Terceira temporada

The Last Kingdom – Crítica da 3° Temporada (com spoiler).

A terceira temporada de The Last Kingdom estreou no dia 19 de novembro, parceria com a Netflix baseada na obra Crônicas Saxônicas, do escritor Bernard Cornwell.

Nessa nova temporada o Rei Alfred (David Dawson) está muito doente e luta para manter sua coroa e para passa-la a seu filho, o ainda muito jovem Edward (Timothy Innes). Mas com as constantes invasões nórdicas o rei ainda tem que lidar com Uhtred (Alexander Dreymon) e sua personalidade forte e seu lado Viking.

A série, que antes era da BBC, vinha agradando e muito os fãs e sendo uma boa adaptação dos livros de Cornwell, gerando assim um grande receio de que a Netflix mudasse o rumo da série, mas isso não aconteceu.

As cenas de batalha foram muito bem feitas, mantendo a mesma pegadas das duas primeiras temporadas.

A morte do Rei Alfred (David Dawson), algo já esperado, também fez muito sentido, bem como o fim de Aethelwold (Harry McEntire).

Outro fato que merece ser mencionado é o amadurecimento da série, levando em conta o que realmente importa e deixando de lado clichês e mesmices.

Demorei um pouco para começar a assistir a terceira temporada por conta de muitas outras séries na fila, mas bastou um final de semana e ela acabou que nem percebi, obviamente por que quando a série é boa fica sempre aquela sensação de vazio. Posso dizer que como um fã do escritor e da série adaptada, ela  continua muito boa e valendo o seu tempo.

GALERIA:

Este slideshow necessita de JavaScript.

Assinar blog por e-mail

Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

Junte-se a 567 outros assinantes

Movie Aholic no Instagram

Quer aprender a programar?